Saiba porque a chuva ácida é uma verdadeira ameaça

A chuva ácida é um fenômeno que ocorre quando há uma grande concentração de substâncias nocivas no ar que alteram o pH da água que cai sob a forma de chuva. Esta água, que tem alto teor ácido, tem diversos efeitos negativos no meio ambiente e na saúde humana, ja que contaminam rios, lençóis e animais consumidos por nós.

Consequências

A chuva ácida quando entra em contato com o solo muda o pH deste, altera a fertilidade e gera deficiência de nutrientes. Já as consequências no ambiente aquático são aumento da mortalidade de peixes além de problemas na reprodução destes, já que os embriões nao se desenvolvem adequadamente em meio ácido. Outro efeito muito conhecido da chuva ácida é a degradação de monumentos urbanos e edifícios (já que a chuva ácida reage com o mármore e ferro).

Da onde vem? (fontes antrópicas X naturais)

As principais fontes naturais de chuva ácida são os vulcões (que emitem enxofre e poeira), além da respiração de animais e plantas. Já as fontes antrópicas se devem a queima de combustíveis fósseis e emissão de gases por veículos.

Um pouco de química

Detalhe: ambas as fontes citadas no parágrafo acima lançam ao ar substancias como dióxido de enxofre (SO2), óxido de nitrogênio (NOx) e dióxido de carbono (CO2), Em reação com as partículas de água no ar são originados ácido sulfúrico (H2SO4) e ácido nítrico (HNO3).

Medindo o nível de acidez

A chuva possui um certo teor de acidez considerado normal, sem consequências negativas, devido a presença de óxidos no ar. O perigo é quando essas substâncias se encontram em quantidade excessivas, isto é, quando o nível de acidez se encontra abaixo de 5.5 (lembrando que quanto mais próximo de 0, mais ácido é, e quanto mais perto de 14, mais básico é). Ah e Já foram registradas chuvas com pH 2,0, que é o mesmo nível de acidez do limão!

Aonde ocorrem?

É importante estar ciente que a chuva ácida não ocorre apenas nas regiões que emitem os gases na atmosfera, como as cidades com muitas indústrias e veículos por exemplo. Estes podem ser transportados por ventos e originar chuva ácida em outras regiões.

Soluções

Devemos sempre optar por fontes de energia renováveis como a éolica e solar. Também cabe a nós e ao governo optar pelo transporte público e a carona solitária.

Matheus Chiabi
Autor:
Matheus Chiabi
Sobre:
Matheus Chiabi, 27 anos, formado em publicidade. Gosta de escrever, fotografia e seus hobbies são surf, futebol e cerveja.
Mais artigos de: Matheus Chiabi

1 Comment

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*