Carros elétricos são a mais nova tendência

Boa parte das emissões de gases de efeito estufa no mundo são emitidas por carros, que queimam combustíveis fósseis para o funcionamento. Porém, já existem carros elétricos para mudar este cenário. Muitas montadoras já estão cientes da crescente demanda mundial por eles e é por isso que vemos muitas delas lançando modelos novos para não serem extintas do mercado.

Benefícios diversos

Os carros elétricos são famosos por não poluirem o ar, mas os benefícios são diversos. Além do benefício ecológico estes carros são mais baratos na hora do abastecimento  (o preço por quilômetro para abastecer um carro elétrico é um terço em relação ao veículo movido a gasolina). Outro ponto positivo é o motor silencioso, que reduz poluição sonora.

E quem já dirigiu um carro elétrico sabe que a experiência ao volante é incrível, pois ao pisar no acelerador a energia é destinada às rodas, a resposta é imediata.

No Brasil

A realidade dos carros elétricos ainda é complicada, principalmente no Brasil, pois não existem muitos incentivos. Apesar disso, até janeiro de 2020, foram 15.556 modelos licenciados. No Brasil a tendência é que surjam mais modelos aqui fabricados nos próximos anos.

O preço dos carros elétricos no Brasil ainda é alto. Um dos mais baratos é o JAC iEV20, que sai a R$139.000 e um dos mais caros é o Porsche Taycan Turbo S, que sai a R$979.000.

 

JAC iEV20, um dos mais baratos
Porsche Taycan Turbo S, um dos mais caros

SOBRE AS BATERIAS

O futuro também é promissor pois já se observa uma queda significativa no preço das baterias na última década – de 1.100 dólares por quilowatt-hora em 2010 para 137 dólares por quilowatt-hora em 2020. Objetivando a redução do custo das baterias a tendencia é a substituição das matérias-primas, de íon lítio para grafeno, uma das formas cristalinas do carbono que retém 45% mais de energia do que as baterias de lítio. E para se ter uma idéia, o recém lançado no Brasil Audi e-tron, pode rodar 430km por recarga. Para 2021, teremos o lançamento do Tesla Roadster, com 1000km de autonomia!

Mas qual o tempo de recarga da bateria? A maioria dos modelos levam entre 6 e 12 horas. Para o futuro já temos modelos previstos para serem recarregados completamente em apenas 20 minutos, tornando os veículos mais aptos a realizar longas viagens.

Outra solução que tende a revolucionar o sistema de recarga de baterias é a recarga por indução em movimento, ou seja, ao transitar sobre uma pista especial o carro vai automaticamente recarregando a sua bateria! Incrível, não? A tecnologia ainda vem sendo estudada e deve entrar em ação primeiramente nas cidades mais desenvolvidas. Especialistas prevêm que essa tecnologia entrará em ascensão entre 2040 e 2050. Será o fim dos postos de gasolina?

Pista especial para recarga elétrica

Oslo, a referência mundial

Atualmente, Oslo (capital da Noruega) tem mais carros elétricos per capita do que qualquer outra cidade no mundo. São mais de 100 mil carros elétricos para uma população de 5,2 milhões de pessoas. Números mostram que os carros totalmente elétricos representaram 17,6% dos registros de veículos novos em janeiro/2020 e os híbridos, 33,8%. Somando, mais da metade (51,4%) dos veículos novos vendidos no país são “limpos“.

Futuro promissor

Previsões apontam que carros movidos a combustão sejam totalmente proibidos na Europa a partir de 2030! Empolgante, não?O que falta para isso acontecer no Brasil também? Uma pesquisa feita pela Nissan constatou que 80% das pessoas na América Latina teriam um carro elétrico caso o preço fosse o mesmo de um convencional.

Matheus Chiabi
Autor:
Matheus Chiabi
Sobre:
Matheus Chiabi, 27 anos, formado em publicidade. Gosta de escrever, fotografia e seus hobbies são surf, futebol e cerveja.
Mais artigos de: Matheus Chiabi

1 Comment

  1. Prepare-se para quando seu carro for elétrico. Faço propostas de instalação fotovoltaica para alimentar sua casa e veículos

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*