Saiba porque as algas marinhas são os verdadeiros pulmões do mundo

A Amazônia não é o pulmão do mundo

É muito comum ouvir por aí que pelo fato das plantas terrestres produzirem oxigênio durante a fotossíntese, isto significa que as florestas (no caso da Amazônia principalmente) são os pulmões do mundo. O que muitos não sabem é que boa parte do oxigênio produzido pelas plantas durante o dia também é consumida pelas próprias por meio da respiração noturna, além do fato do oxigênio ser usado na decomposição de animais e plantas – dois fatores que diminuem o “saldo” de oxigênio na atmosfera.

Algas marinhas, elas sim são os verdadeiros pulmões do mundo

As algas marinhas são uns dos seres mais antigos do planeta e vamos falar sobre elas porque produzem 54% do oxigênio disponível na Terra, fenômeno que já vem acontecendo há 3,5 bilhões de anos! Se não fosse por esses seres não haveria oxigênio para a formação das plantas e animais que existem hoje.

As algas liberam muito mais oxigênio do que precisam consumir. Assim, o excesso de gás emitido dentro do mar passa para o ar, ficando disponível para os outros seres vivos e renovando o oxigênio atmosférico. Além disso, as algas capturam gás carbônico atmosférico e servem de abrigo e alimento para vários animais.

As florestas podem parecer grandes, mas as algas ocupam um espaço muito maior. Isso porque os oceanos cobrem 70% do planeta e todos eles abrigam algas microscópicas, que portanto são mais populosas que as árvores.

Outro detalhe sobre os oceanos é que possuem um papel de extrema importância para a regulação do clima no planeta. Sem ele a temperatura na Terra poderia ultrapassar os 100 graus celsius, o que inviabilizaria a vida no planeta.

O que são as algas?

Elas se parecem com plantas, mas na verdade não são. São seres bem menos complexos e também não são animais, elas pertencem ao grupo de seres chamados protistas. Existem cerca de 27 mil espécies de algas e elas podem existir não apenas nos mares, mas também em rios e pântanos, (desde que haja luz e nutrientes no local, geralmente até 200m de profundidade).

Algumas são microscópicas (microalgas), outras podem atinger 60 metros (macroalgas).

As macroalgas costumam surgir em diversos locais nos oceanos, como rochas, cascos de tartaruga, cascos de barcos, pilares de portos, etc. Já as microalgas são mais abundantes e produzem mais oxigênio do que as macro algas!

As algas podem ter cores diferentes. As verdes possuem mais clorofila e ciclos de vida mais curtos. As marrons possuem células mais complexas e ciclos de vida mais demorados.

Mais benefícios das algas

Muitas algas ajudam na prevenção do câncer e doenças de pele. Além disso, possuem diversos nutrientes, como ferro, magnésio, fósforo, cálcio, iodo e vitamina K (que melhora a saúde gastrointestinal).

Algumas possuem a capacidade de fertilizar solos e corrigir pH deste meio.

As algas do gênero Chlorella possuem a capacidade de despoluir esgotos!

Sobre o oxigênio

Este gás é de extrema importância para os seres vivos pois é usado na respiração celular e na liberação de energia para que a célula desempenhe suas atividades vitais.

Impacto do homem

As alterações climáticas podem comprometer o ciclo de vida das algas marinhas de vida longa, prejudicando sua proliferação e levando algumas espécies à extinção. Já as de vida curta acabam se proliferando demasiadamente com o oceano mais quente, o que na verdade não é positivo porque desequilibra a cadeia alimentar.

A importância das florestas

Apesar de não serem os pulmões do mundo, as florestas têm uma enorme influência no clima local e de outras regiões. Isso acontece porque as árvores transpiram gotículas de água que formam nuvens (só que não é pouca coisa, estima-se que por dia a Floresta Amazônica transpira a mesma quantidade de água do Rio São Francisco!).

Todo esse vapor d’água viaja centenas de quilômetros acarretando chuvas em outras regiões (alcançando inclusive a Argentina e Uruguai!), irrigando lavouras, enchendo reservatórios das hidrelétricas e as estações de abastecimento de outras cidades! Se você achou esse fenomeno das florestas interessante leia um post nosso só sobre isso! Além disso as florestas retém muito CO2, um dos principais gases do efeito estufa.

Você é novo por aqui?

Seja bem-vindo ao nosso blog! Somos uma empresa de coleta e compostagem de resíduos orgânicos em que transformamos lixo em fonte de vida! Trabalhamos com um esquema de assinaturas em que o cliente recebe um baldinho para separar seus resíduos e passamos de bicicleta em sua casa para coletar. Uma vez por mês você ganha diversas recompensas como o nosso super composto orgânico produzido a partir dos resíduos!

Referências

https://super.abril.com.br/mundo-estranho/de-onde-vem-o-oxigenio-que-respiramos/

https://escolakids.uol.com.br/ciencias/producao-oxigenio-pelas-algas-arvores.htm

https://escola.britannica.com.br/artigo/alga/480568

https://www.algosobre.com.br/biologia/algas-marinhas.html

Matheus Chiabi
Autor:
Matheus Chiabi
Sobre:
Matheus Chiabi, 27 anos, formado em publicidade. Gosta de escrever, fotografia, futebol e cerveja.
Mais artigos de: Matheus Chiabi

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*