Conheça 20 benefícios do composto orgânico

“A nação que destrói seu solo destrói a si mesma.”

Franklin D. Roosevelt

Houve um tempo em que os cientistas pensavam que a agricultura era simples.

Você adiciona fertilizantes e as plantas usam estes para crescer. Mas quanto mais estudamos o solo e o meio ambiente, mais aprendemos sobre a interconexão entre solo, plantas e alimentos

É um assunto fascinante e complicado. E embora ainda tenhamos muito a aprender, está claro que os benefícios do composto são enormes e interligados.

Neste artigo você encontrará benefícios da compostagem para o jardineiro de pequena escala, para a agricultura em grande escala e para o mundo.

Benefícios para o solo

Para entender esta seção, vale a pena explorar primeiro a estrutura e a agregação do solo.

Os mesmos organismos que decompõem a matéria orgânica no composto liberam uma substância pegajosa, semelhante à cola.

Isso ajuda a unir partículas individuais de argila, solo e grupo de areia em partículas maiores chamadas agregados, levando a um solo escuro e quebradiço.

Esse processo é chamado de agregação.

Estudos mostram que o composto pode ter um grande impacto na agregação. Por exemplo, um estudo descobriu que a aplicação de material orgânico compostado pode aumentar a formação de agregados em 45%.

A agregação leva a uma estrutura melhorada do solo, criando um solo escuro e quebradiço. Ele também está relacionado a muitos dos benefícios que o composto cria para o jardineiro.

Saiba mais sobre composto, estrutura do solo e agregação.

1. Retenção de umidade

Um solo arenoso vai deixar a água escorrer facilmente.

Por meio do processo de agregação, adicionar composto gera maiores partículas do solo que conseguem reter mais umidade.

2. Melhora a drenagem

Isto pode parecer estranho, uma vez que solos adubados retém mais umidade. Mas isso depende do processo de agregação.

Como as partículas do solo se ligam umas às outras, elas abrem espaço para a água passar.

É por isso que solos adubados possuem poucas poças após as chuvas fortes.

3. Melhora aeração

O espaço criado para a água passar também permite a passagem de ar, beneficiando micróbios e minhocas – e a atividade desses seres criam mais espaços ainda no solo para a passagem de ar.

Mais benefícios de um solo aerado são: previne a perda de matéria orgânica; manutenção de conteúdo nitrogenado e melhor absorção de nutrientes pelas plantas.

4. Mais nutrientes para as plantas

A medida que o composto se decompõe no solo ele libera vagarosamente substâncias como nitrogênio, fósforo e potássio. Outro benefício é que aumenta a capacidade do solo de reter nutrientes. Além disso, também fornece comida para os micróbios que geram nutrientes para as plantas.

5. Fornece nutrientes na hora certa

Ao contrário de muitos fertilizantes artificiais, o composto orgânico tem a capacidade de fornecer nutrientes para as plantas na época certa.

No inverno, quando faz mais frio e existe menos iluminação, menos nutrientes são fornecidos. A medida que o tempo esquenta e tem mais luz, as plantas crescem mais e necessitam de mais nutrientes. Portanto, os solos que recebem mais recargas de composto e microrganismos liberam nutrientes nessa época. Isto acontece pois os micróbios e microrganismos que liberam mais nutrientes são mais ativos no calor.

6. Favorece a micorriza

Os fungos micorrízicos são organismos fascinantes que formam uma relação viva, interconectada e mutuamente benéfica com raízes de plantas e árvores. Os benefícios para os agricultores são enormes:

– Aumenta a capacidade das plantas suportarem as secas e mudanças de temperaturas.
– Proteção contra patógenos
– Melhora absorção de nutrientes minerais
– Transfere o nitrogênio de plantas que possuem em grande quantidade para plantas com pouca.

Para o especialista Martin Crawford, plantas com micorriza podem crescer 4,5 vezes mais do que plantas sem.

Ao adicionar composto no solo, isto beneficia a proliferação das micorrizas. Para maximizar os benefícios, não adicione o composto na parte mais profunda do solo, pois isso pode destruir os frágeis fungos micorrízicos. Ao invés, adicione o composto na superfície.

7. Estabiliza os níveis de pH

O composto protege os níveis de pH. E faz isto de duas maneiras:

Absorvendo os íons que de outra forma seriam lavados, mantendo-os no lugar.

Também estimula a proliferação de minhocas, que tornam os solos ácidos menos ácidos e os solos alcalinos menos alcalinos.

8. Menos pragas e doenças

Bons solos geram plantas saudáveis e que sejam resistentes a doenças e danos de insetos.

O uso de material orgânico para aumentar a resiliência de plantas não é algo novo. Antes de termos acesso a pesticidas, nós tínhamos que usar outros métodos de evitar pragas.

Por fim, o composto não ajuda apenas a criar plantas mais fortes. O composto pode evitar doenças de forma direta. Além disso, diferentes fórmulas de composto ajudam a combater diferentes formas de doenças.

Benefícios para a economia

9. Erosão

Você sabia que metade do solo superficial do planeta já foi perdido? E que o solo fértil vem se perdendo a quantia de 24 bilhões de toneladas por ano?

O impacto da erosão é devastador. Isto inclui:

– Inundações, e o seu impacto em nossas vidas, na economia e nas propriedades.
– Perda de fertilidade. Isto ameaça colheitas futuras e já gerou perda de 33 bilhões de toneladas produção de comida no mundo. Isto custa 8 bilhões de dólares a economia global.
– Danos ao meio ambiente por meio da contaminação de rios, lagos e córregos de água doce por se misturarem ao solo. Estes solos geralmente possuem pesticidas que contaminam as águas.
– Menos plantas e menos carbono armazenado nos solos. Isso gera emissões de carbono e acelera o aquecimento global.

A agricultura é a maior causa da erosão.

A boa notícia é que o composto previne esse fenômeno. Estudos modernos comprovam isso, indicando que a adição de composto orgânico pode reduzir a erosão a uma taxa de 99% em comparação com outros métodos.

10. Reduz poluentes em águas pluviais

Águas pluviais podem carregar químicos, sais e outros poluentes para dentro dos lagos, córregos, rios e mares.

E como já vimos, o composto tem a habilidade de fazer o solo absorver água. Estudos também apontam que também tem a capacidade de atuar como filtro para águas da chuva e reduzir a lixiviação de pesticidas, herbicidas e outras substâncias nocivas.

11. Limpando solos poluídos

O composto possui capacidade de limpar solos poluídos por meio de um processo chamado biorremediação.

Um exemplo desse processo aconteceu na Pensilvânia, em uma área de 4 milhas quadradas que estava altamente contaminada com metais pesados.

Os cientistas tiveram a oportunidade de limpar o local usando grama, fertilizante de cal e composto. No caso o composto teve a capacidade de eliminar:

– Hidrocarbonetos clorados e não clorados
– Produtos químicos de preservação de madeira
– Solventes
– Metais pesados
– Pesticidas
– Produtos de petróleo
– Explosivos

12. Reduzir emissões de gases nocivos

Fertilizantes sintéticos acarretam perda de nitrogênio do solo. Esta substância passa para o ar e forma N2O, um gás com 300 vezes mais potencial de reter calor do que o CO2.

Especialistas estimam que aterros geram 1.077 milhões de toneladas de metano. Esse gás retém 21 vezes mais calor do que o CO2. E um terço de tudo o que se encontra nos aterros são restos de comida – que podem virar composto.

13. Sequestro de carbono

Terras cultivadas com compostagem podem aumentar o carbono em 0,07% ao ano. E para contextualizar, especialistas afirmam que é necessário haver o sequestro de 0,04% de carbono ao ano para reduzir significantemente a concentração de CO2 na atmosfera.

Benefícios do composto para o meio ambiente

14. Transformando lixo em produto

A cada ano, 1,8 bilhão de toneladas de alimentos são perdidos ou desperdiçados. Isso é um terço da oferta de alimentos do mundo. Muito disso pode ser transformado em composto que pode ser vendido e comercializado.

O uso do composto gera terras agrícolas mais férteis e resilientes, o que proporciona um melhor retorno do investimento para agricultores e investidores agrícolas.

O ganho não está apenas no produto acabado. O composto produz muito calor. Esse calor pode ser usado para aquecer casas, estufas, e até mesmo para produzir eletricidade limpa.

15. Reduz custos dos aterros sanitários

Os aterros sanitários ocupam espaço e necessitam de recursos e, em muitos países, agora são cobrados das empresas e do governo local.

Como vimos anteriormente, 30% do aterro é desperdício de alimentos.

Muitos desses custos são repassados ​​para empresas e consumidores – mas a compostagem pode ajudar a reduzir esses custos. Por exemplo, uma faculdade em Vermont conseguiu economizar US $100.000 ao compostar 90% de seu desperdício de alimentos.

16. Reduzindo custos de alimentos

Nas últimas décadas, o mundo vem sofrendo com o aumento dos preços dos alimentos. As consequências foram devastadoras, especialmente para os mais pobres. Umas delas são: desnutrição e doenças e um aumento na taxa de mortalidade – o que o Banco Mundial chama de Tsunami Silencioso.

O composto pode ajudar a melhorar nosso solo, reduzindo a necessidade de fertilizantes/pesticidas e reduzindo a erosão do solo.

Benefícios do composto para o seu bolso

Quando você faz seu próprio composto, pode ter um produto no qual pode confiar. Você sabe que não pulverizou seu jardim com os herbicidas encontrados em alguns compostos.

Se você tem um jardim grande, pode facilmente produzir um bom composto que custaria centenas de reais em sua loja de jardinagem local.

Todo o excelente composto significa que você também pode cultivar mais alimentos para sua família, economizando ainda mais dinheiro a cada ano.

Benefícios do composto para a sua saúde

17. Solo saudável, comida saudável

As plantas absorvem nutrientes e micronutrientes do solo e nossos corpos usam muitos dos mesmos.

Simplesmente, as plantas cultivadas em solo rico em nutrientes são melhores para nós do que aquelas cultivadas em solos pobres. De fato, o solo pobre em nutrientes pode ser a razão pela qual mais de 2 bilhões de pessoas no mundo sofrem de deficiência de micronutrientes.

18. Menos pesticidas, menos doenças

As pesquisas estão começando a indicar ligações entre pesticidas e condições de saúde, incluindo doenças graves como:

– Irritação da pele e dos olhos
– Náusea
– Câncer
– Asma
– Diabetes

Plantas cultivadas com composto requerem menos pesticidas e têm o potencial de reduzir doenças.

19. Composto pode ajudar na saúde mental

Mycobacterium vaccae é uma bactéria fascinante que é encontrada tanto no composto quanto no solo saudável. Quando os cientistas injetaram esta bactéria em camundongos, teve um efeito semelhante aos antidepressivos. Os cientistas agora estão estudando a bactéria para ver como ela pode ajudar a criar remédios.

20. Água mais limpa, menos doenças

A água suja tem um enorme impacto na saúde mundial. The World Counts estima que causa 3.575.000 mortes por ano e 2,2 milhões destas são crianças.

O composto, com sua capacidade de filtrar a água, reduzir a necessidade de fertilizantes e reduzir o escoamento das chuvas, pode ser uma parte dessa solução.

Resumindo

Ainda estamos descobrindo mais sobre as incríveis habilidades do composto para contribuir com o mundo.

Uma área excitante em particular são as formulações específicas de composto. Parece provável que no futuro o composto seja fabricado especificamente para diferentes propósitos, como o tratamento de diferentes doenças do solo.

Enquanto ainda estamos aprendendo, já está claro que o composto oferece uma enorme variedade de benefícios, seja usado em escala ou no jardim.

Referência

Este texto é uma tradução da matéria “23 Benefits of Compost Backed by Science”do site compostmagazine.com

Matheus Chiabi
Autor:
Matheus Chiabi
Sobre:
Matheus Chiabi, 27 anos, formado em publicidade. Gosta de escrever, fotografia, futebol e cerveja.
Mais artigos de: Matheus Chiabi

1 Comment

  1. Consumo com frequência coco seco e tenho muitas cascas armazenadas. No início, coloquei uma na coposteira, quebrada em pedaços menores, já esperando que demorasse a decomposição. Demora mesmo, já faz uma ano e os pedaços estão lá nem firmes ainda. As demais, levei para as crianças da creche brincarem e explorarem, mas quando se quebram, não jogo fora, trago de volta pra casa, só não dei um destino adequado. Também fiz suporte pra sabão com algumas. Estou pensando em usar como pequenos vasos e para colocar por cima do solo a fim de evitar que gatos da vizinhança façam suas necessidades.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*